Tio Zuck de olho na realidade virtual

Você pode gostar de um óculos escuros para curtir aquelas férias na praia, mas não é bem nesse tipo de óculos que o Facebook está mirando… Pelo menos é o que mostram as contratações da empresa nos últimos anos.

Em 2017, o grupo que desenvolve dispositivos de realidade aumentada e virtual era formado por cerca de mil pessoas, enquanto o quadro total de funcionários era de quase 19 mil.

Mas parece que Zuck quer entrar com tudo nesse outro mundo. Atualmente, a equipe voltada para essa área atingiu a marca de 10 mil funcionários, enquanto a empresa tem por volta de 50 mil no total.

  • Isso mostra que, em pouco mais de três anos, o Facebook fez seu grupo de desenvolvedores de dispositivos de realidade aumentada e virtual passar de 5% da empresa para algo próximo a 20%.

Por que falar disso? Simples. Quantas empresas você conhece no Brasil com 10 mil funcionários trabalhando em um único projeto específico? Para se ter uma ideia, pense que o Nubank tem pouco mais de 2 mil funcionários e o Twitter tem 5 mil. Deu pra entender a relevância? risos.

Não precisamos dizer muita coisa além disso… Se uma das maiores empresas do mundo está colocando atenção no setor, é bem provável que algo grande esteja à caminho.

O que mais é destaque em tecnologia?

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos um jornal gratuito e diário, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito, mas pode viciar.

Para se inscrever, clique aqui.

Deixe uma resposta