Um museu completamente virtual

Muitos museus começaram a oferecer visitas em seus sites durante a pandemia. Agora, imagine um museu em que as obras não existem no mundo real, ou melhor, no mundo físico.

O idealizador é alguém com o pseudônimo de MetaKovan. Ele investe em criptomoedas e quer ter uma holding para democratizar os NFTsA proposta é: vender tokens para acessar os museus em que os NFTs estão “guardados”.

Não entendeu nada? Leia esse post e a matéria de tecnologia dessa edição aqui.

Mudando de assunto, mas ainda falando de tecnologia… 🚘 ⚡

Parece que tem gente querendo concorrer com a Tesla. A BMW anunciou detalhes e informações dos modelos i4 e iX, os primeiros sedã e SUV 100% elétricos da empresa, ainda para esse ano.

A concorrência não para por aí… Cada vez mais empresas entram nesse mercado. Honda, GM, Renault, Volkswagen e Audi são alguns exemplos das gigantes. Mas as startups também prometem vir com tudo pra entrar na disputa.

Pra fechar: Em 2018, foram 2 milhões de carros elétricos vendidos no mundo. A expectativa é que, em 2040, sejam comercializados 56 milhões de unidades. Tem muita empresa de olho no setor, mas, se organizar direitinho, todo mundo fica feliz.

Deixe uma resposta