Um spray nasal eficaz contra a COVID-19?

Vamos de spray. Nessa segunda-feira, uma empresa de biotecnologia canadense, a SaNOtize, anunciou que seu spray nasal recebeu aprovação temporária das autoridades médicas para prevenir a COVID-19, em Israel e na Nova Zelândia.

Como assim? É isso que você acabou de ler. Estudos mostraram que o produto, produzido com óxido nítrico, protege as pessoas do vírus quando o corona entra no corpo através das vias nasais superiores.

  • O melhor é que, segundo os testes clínicos, além de prevenir a transmissão, o produto pode também diminuir os dias de infecção e reduzir a gravidade dos sintomas.

Em Israel, o spray, que recebeu o nome comercial de Enovid, deve começar a ser vendido em junho. Na Nova Zelândia, pode começar imediatamente. Uma novidade e tanto.

Falando em eficácia contra o vírus:

Os Estados Unidos liberaram o maior estudo sobre a vacina da AstraZeneca/Oxford até o momento, que demonstrou que a vacina foi 79% eficaz na prevenção de infecções sintomáticas — número maior que o anteriormente observado nos primeiros testes.

Além disso, o imunizante oferece 100% de segurança contra complicações graves e hospitalizações, e se provou muito positivo para idosos, o que ainda não estava tão comprovado nos outros testes.

A relevância… O estudo vem em um momento oportuno e traz um alívio para aqueles que estavam preocupados depois que alguns países da Europa chegaram a parar de aplicar as doses por suspeita de efeitos colaterais adversos.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

Uncategorized

Parque eólico na costa brasileira?

O mar está se abrindo. Pode parecer complexo no primeiro momento, mas você vai entender a relevância. Ontem, foi publicado um decreto

ECONOMIA

Maior alta desde 2014

Oil high. O preço do barril atingiu níveis não vistos desde 2014. Ontem, o barril do Brent, que serve de parâmetro

MUNDO

COVID ou ideologia política?

Dado interessante. É um consenso mundial — e com certeza não é novidade pra você —, que o coronavírus tende a ser