“Amazon” dos NTF’s recebe belo cheque de investidores tradicionais

Se você acessou a internet nas últimas duas semanas, você deve ter visto algo sobre o fenômeno dos ‘Non Fundible Tokens’. Essa semana, em específico, as coisas talvez até tenham ficado mais claras não só para você, mas para todos nós.

Por quê? A começar pelo icônico vídeo do TikTok daquele skatista se filmando descendo uma highway nos Estados Unidos e cantando, que está sendo leiloado por meio milhão de dólares, e por todos os posts que você deve ter visto no Instagram.

Mas, por incrível que pareça, essa não é a notícia que queremos te dar…

O mais relevante acontecimento da semana — pelo menos para o mercado de NFT’s — foi a rodada de investimento de US$ 23 milhões na plataforma OpenSea, que basicamente comercializa os arquivos na internet.

Duas coisas são importantes aqui: (i) Andreessen Horowitz, um dos investidores mais prestigiados dos Estados Unidos, que também investiu no Clubhouse, liderou a rodada; (ii) os outros investidores não são tão comuns no mercado de criptomoedas — e isso também chamou atenção —, incluindo o CEO do Pinterest, o bom e velho Mark Cuban e até mesmo Tim Ferris.

Ok, mas e aí? E aí que isso passa uma credibilidade para o mercado como um todo e para as pessoas que desejam comprar coisas assim… Acredite, existem muitas. Só em fevereiro, US$ 95 milhões em mercadoria digital foram vendidos por lá e as transações totais foram 100 vezes maiores em comparação com seis meses atrás.

Pode parecer estranho pensar nisso, mas analisando o site você pode ter uma ideia melhor de como funciona e aqui está: A “Amazon” dos NFT’s. Tem de tudo lá… Vale conferir.

PS: O valor de coisas que não podem ser substituídas (como essas que têm sido vendidas lá) está mais em sua exclusividade e na escassez do que na utilidade. Não se pode fazer muito com uma figura da internet, mas só você é o dono daquela obra em especial. Assim como uma pedra preciosa no “mundo real”. risos.

Sucesso da noite para o dia… Ao contrário do que você deve estar pensando, a OpenSea não começou agora e foi lançada em 2017. Talvez nos ensine que, quando a sorte ou “moda” aparecer, quem já está preparado sai na frente. Aliás, Picasso já falava isso…

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

TECNOLOGIA

O unicórnio ultra-rápido

Daki. Com apenas 10 meses de operação, a startup brasileira — com um tempero mexicano — se tornou o mais novo

DICAS

A sexta-feira do ano chegou

Dezembro chegou, e com ele a famosa sexta-feira do ano. Libere a tensão para conseguir retomar o rumo na segunda-feira —