Quando o próprio relator é indiciado

Irônico. O próprio relator da CPI da COVID-19 está sendo indiciado pela Polícia Federal por corrupção passiva e lavagem de dinheiro… Ele mesmo, Renan Calheiros.

O que apontam as investigações? Ao que parece, o senador pediu e recebeu R$ 1 milhão em propina da Odebrecht, no dia 31 de maio de 2012, em troca de resoluções envolvendo incentivos fiscais.

  • Agora, a partir dos dados fornecidos pela PF, a Procuradoria-Geral da República vai decidir se denuncia o senador ao STF.

A defesa de Renan se diz confiante no arquivamento da investigação, por acreditar que as apurações estão baseadas apenas em depoimentos de delatores. O senador, por sua vez, disse que o caso está aberto desde 2017, sem que tenham encontrado provas.

🗓️ Por falar em CPI… Vamos ao cronograma da semana:

  1. Amanhã: Regina Célia Silva Oliveira, fiscal do contrato com a Precisa/Bharat Biotech.
  2. Quarta-feira: Roberto Ferreira Dias, ex-diretor do Departamento de Logística em Saúde da Secretaria Executiva do Ministério da Saúde.
  3. Quinta-feira: Francieli Fantinato, ex-coordenadora do Programa Nacional de Imunizações.

O final de semana nas ruas 🚏

Nesse sábado, novas manifestações contra Bolsonaro ocorreram ao redor do país. Os protestos, que aconteceram depois do STF autorizar a abertura de inquérito para apurar a atuação do presidente na compra da Covaxin, pediam o impeachment.

O que mais é preciso saber no cenário nacional?

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos um jornal gratuito e diário, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito, mas pode viciar.

Para se inscrever, clique aqui.

Deixe uma resposta