Você nunca mais vai ver programas de fidelidade da mesma maneira

Business. A maior rede de hambúrgueres e fast-food do mundo acaba de inaugurar seu programa de fidelidade, o MyMcDonald’s RewardsAlgo nada inovador e que todo mundo já sabe como funciona…

Conforme os clientes compram produtos, pontos são computados e podem ser trocados por prêmios. Mais importante que a novidade, é entender porque o McDonald’s só fez isso agora e se isso realmente funciona.

Vamos lá… Vejamos o exemplo do Starbucks, referência nessa brincadeira de pontos e segunda maior rede de fast-food do mundo. Cerca de 41% das transações da Starbucks nos EUA e Canadá já são feitas pelo cartão de fidelidade.

  • Cerca de 1/4 dos pagamentos nos Estados Unidos são feitos por meio do aplicativo. Ambos indicadores têm tendência de alta para os próximos anos.

E o que mais impressiona? A rede de cafés tem mais de 1,2 bilhão de dólares de seus clientes já depositados no app ou nos cartões de fidelidade da marca. Sim, isso é mais que muitos fundos de investimento tem sob gestão. risos.

De volta ao McDonald’s 🍟

Ao lançar seu programa de rewards, o McDonald’s, além de estimular os clientes atuais a consumirem mais, mostra uma certa preocupação com o futuro da marca e da identidade das pessoas com o consumo de seus produtos.

A prova disso vem do BR: Nessa semana, o Méqui surpreendeu os fãs brasileiros com a pré-venda do molho do Big Tasty em frascos de 190g — algo inédito e saboroso — diretamente pelo aplicativo.

Nos Estados Unidos, como forma de incentivo… A rede vai distribuir batatas fritas médias de graça no dia 13 de julho para todos que se cadastrarem no MyMcDonald’s Rewards.

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos um jornal gratuito e diário, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito, mas pode viciar.

Para se inscrever, clique aqui.

Deixe uma resposta