Janela de oportunidade para os concorrentes da Netflix

Guerra do streaming. Não é um bom momento para se trabalhar no marketing da Netflix Brasil. Principalmente, no time de Social Media que, durante o final de semana, teve que ler inúmeras críticas nas última fotos publicadas.

Por quê? Alta nos preços. Depois do anúncio de que a assinatura do streaming iria aumentar, os fãs não perdoaram e encheram os últimos posts de comentários sobre a medida, reclamando sobre a alteração nos valores.

O aumento médio do valor das assinaturas foi de 20%. O plano mais básico, por exemplo, que custava R$ 21,90 foi para R$ 25,90 e o mais caro, de R$ 45,90 foi para R$ 55,90. Todos os novos valores já estão disponíveis no site da empresa.

O que isso significa? Janela de oportunidade para os concorrentes, até porque, agora, a diferença entre os preços é a maior já vista, desde que todos entraram no mercado. Para ter um comparativo, o Prime Video custa R$ 9,90 por mês e o HBO Max R$ 19,90.

  • Até mesmo o Globoplay, concorrente nacional, quer aproveitar a oportunidade. Um dia depois do anúncio da Netflix, a rede disse que não irá subir os valores da assinatura até 2023Veja a alfinetada.

Zoom out: Com cada vez mais opções no mercado, especialmente de ofertas conjuntas — assine X e ganhe o streaming Z —, o aumento de preços pode ser um motivo imediato a mais para que outros usuários testem novos serviços.

Na América do Norte, a Netflix viu 430 mil assinantes deixarem o serviço nos últimos três meses, enquanto a HBO ganhou 2,8M de novos usuáriosVejamos o que vai acontecer por aqui…

O que mais é importante no mundo de tecnologia?

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos um jornal gratuito e diário, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito, mas pode viciar.

Para se inscrever, clique aqui.

Deixe uma resposta