As ruas do Leblon que se preparem…

Os moradores do Rio de Janeiro já têm data para voltarem a fazer jus à música “Carioca beija todo mundo, carioca…”. Ontem, a Cidade Maravilhosa anunciou um plano gradual de flexibilização das medidas de restrição, prevendo liberar 50% do público em estádios e boates no dia 2 de setembro.

  • E a reabertura vai ser bem festejada — literalmente. Há uma programação de quatro dias de festas, com diversos eventos, entre 2 e 6 de setembro.

Nesses dias, as ruas serão fechadas, haverá DJs em pontos da orla, apresentação de musicais, orquestra nos Arcos da Lapa e mais uma dúzia de atrações.

Entendendo o plano:

Serão 3 etapas, de 2 de setembro até 15 de novembro.

  1. A primeira prevê a reabertura de estádios e boates com 50% do público, mas só se 77% dos cariocas já tiverem recebido uma dose e 45% estiverem imunizados. Hoje, 73% já receberam a primeira dose, então…
  2. A segunda prevê o retorno de estádios, boates e festas em locais fechados com 10% da capacidade.
  3. Já a última será marcada pela livre circulação e a retirada do uso obrigatório de máscaras, exceto no transporte público e nos estabelecimentos de saúde.

No entanto… O prefeito, Eduardo Paes, deixou claro que se o secretário de Saúde o disser que não dá mais porque os números aumentaram ou chegou uma nova variante, o processo será interrompido e novas medidas podem ser impostas.

As expectativas estão altíssimas e Paes já disse que, se tudo caminhar como previsto, o Réveillon será o maior da história da cidade.

O que mais é preciso saber no cenário nacional?

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos um jornal gratuito e diário, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito, mas pode viciar.

Para se inscrever, clique aqui.

Deixe uma resposta