STF aceita pedido de investigação contra Bolsonaro

Se o tema ‘urnas eletrônicas’ já estava pegando fogo, agora, então… Ontem, Alexandre de Moraes, ministro do STF, incluiu Bolsonaro como investigado no inquérito das “fake news”, atendendo ao pedido do Tribunal Superior Eleitoral.

Do que se trata?

Em uma live, na última quinta-feira, Jair fez acusações sobre a confiabilidade do voto eletrônico e ataques ao sistema eleitoral brasileiro — falando, inclusive, em fraude.

  • Foi aí, então, que o TSE protocolou uma notícia-crime, acusando Bolsonaro de espalhar informações falsas contra as instituições, em especial ao ministro Barroso, presidente do TSE.

Com isso… Alexandre de Moraes decidiu incluir JB como investigado no inquérito das “fake news”, solicitando a transcrição da live e o depoimento de outras testemunhas que participaram dela — incluindo o Ministro da Justiça, Anderson Torres.

E já vai começar. A investigação terá início imediato e será sigilosa. São 11 possíveis crimes citados por Moraes, de apologia ao crime a denunciação caluniosa. A depender da conclusão da investigação, muita coisa pode acontecer…

O que mais é destaque por aqui?

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos um jornal gratuito e diário, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito, mas pode viciar.

Para se inscrever, clique aqui.

Deixe uma resposta