Encho o tanque ou pago a conta de luz?

A gasolina a R$ 7 rendeu muitos memes, mas pouca explicação. O que faz o preço disparar e quais os impactos indiretos disso?

O preço médio do litro da gasolina comum no Brasil chegou a R$ 5,955 na última semana. Desde o início do ano, o combustível aumentou quase 28%.

  • O preço, aqui no país, é calculado pela Petrobras com base em duas coisas: i) a cotação do petróleo no mercado internacional e ii) a taxa de câmbio.

E os dois subiram…

A cotação do petróleo: O preço do petróleo caiu muito no início da pandemia, mas, com a retomada, a procura aumentou. A produção mundial, no entanto, não avançou no mesmo ritmo. Resultado? Preços altos. 

A taxa de câmbio: O petróleo é cotado em dólar, que subiu 1,55% em 2021, contribuindo para a alta da gasolina.

  • Falando do etanol, uma das razões para a alta dos preços é a safra de cana-de-açúcar, que foi prejudicada por causa da crise hídrica.

O que é possível fazer?

Para os analistas, não há o que ser feito para segurar o preço da gasolina no curto prazo, não recomendando a intervenção do governo. No longo prazo, uma das soluções citadas é a construção de novas refinarias.

Os impactos: 

A alta dos combustíveis impacta diretamente na inflação. Além da mobilidade, os custos das mercadorias aumentam conforme o transporte fica mais caro, o que gera um efeito cascata no bolso dos brasileiros.

O que mais você precisa saber economicamente falando? 

the news 📬

Mais inteligente em 5 minutos. Somos um jornal gratuito e diário, que tem por objetivo te trazer tudo que você precisa saber para começar o seu dia bem e informado.

Notícias, de fato, relevantes sobre as principais atualidades do mundo, do Brasil, tecnologia e do mercado financeiro, sempre nessa ordem.

Direto na sua caixa de entrada do e-mail favorito, sempre às 06:06. É gratuito, mas pode viciar.

Para se inscrever, clique aqui.

COMPARTILHE

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ