A mais nova integrante do clube das trilionárias

Trilionária com T maiúsculo: Tesla. Ontem, a montadora de veículos elétricos de Elon Musk atingiu o valor de mercado de US$ 1 trilhão pela primeira vez.

O que houve de tão especial nessa segunda-feira? Interesse. A Hertz — locadora de carros americana, como a Localiza — disse que compraria 100 mil carros elétricos, a maior compra de veículos da categoria já feita.

Além da venda em si, a Tesla se beneficia ao poder ser “experimentada” pelos curiosos, que alugarão os carros para testar os veículos da montadora.

Com isso, as ações da Tesla chegaram a um novo recorde, ultrapassando a marca de US$ 1.045.

Outros motivos, além da Hertz…

  1. A companhia relatou fortes vendas na União Europeia, com a informação de que seu Modelo 3 se tornou o primeiro veículo totalmente elétrico a liderar as vendas de carros na Europa no mês de setembro.
  2. Alguns analistas se mostraram otimistas com a empresa. Um exemplo é o de Adam Jonas, do Morgan Stanley, que aumentou seu preço-alvo para US$ 1.200.

Ponto curioso: A Tesla vale mais que outras 19 montadoras juntas, incluindo Toyota, Honda e Nissan, e 15x mais que a Ford — mesmo gerando bem menos receita.

O motivo? O foco dos investidores está no futuro, que parece ser elétrico. ⚡

Outras notícias relevantes no meio tech:

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

MUNDO

Nem vem com essa, COVID

Cientistas da África do Sul identificaram uma nova variante do COVID-19, com um número “muito incomum” de mutações, e temem