A startup que permite que você “Ingresse” em eventos 🎟️

💰 Modelo de negócios

Ingresse é um marketplace de eventos e experiências, líder do mercado nacional de venda de ingressos online de eventos premium.

A plataforma oferece aos seus usuários — compradores e vendedores — a possibilidade de divulgar seus eventos e transacionar ingressos entre si.

A Ingresse não se envolve diretamente na organização dos eventos, atuando apenas como intermediadora entre as duas partes.

📈 Recebeu investimentos?

  • R$ 23 milhões: divididos entre algumas rodadas rodadas (2013 – 2017)
  • R$ 20 milhões: liderada por Qualcomm, Confrapar, Meli Fund (Fundo do Mercado Livre) e XZ Ventures (fundo da Ambev) (2018)
  • R$ 90 milhões: Series C, liderada pelo Endurance (2019)

👫 Quem está por trás desse negócio?

A Ingresse foi fundada em 2012 por Gabriel Benarrós e Marcelo Bissuh. (Ao clicar, você vai pro LinkedIn deles).

🙋‍♂️🙋‍♀️ Maior desafio em 200 caracteres

“Nosso mercado de experiências ao vivo e entretenimento foi o 2º mais afetado durante a pandemia (junto com turismo), e agora está retornando de maneira intensa. Grande desafio é de atender a alta demanda e reconstruir o time novamente.”

🔮 Nossa análise

A volta dos eventos presenciais já é uma realidade, o que é um ponto muito positivo para a Ingresse, visto que, com a pandemia, a empresa teve seu negócio fortemente afetado.

Nos EUA, o mercado está voltando a se aquecer. Veja como as principais plataformas de vendas de ingresso do país estão recuperando suas vendas:

Algumas, inclusive, já ultrapassaram níveis pré-pandêmicos. Naturalmente, esse mercado também deve se normalizar no Brasil dentro dos próximos meses. Saudades de uma aglomeração, né? Essa turma que vende ingressos também. risos.

Mas se o mercado vai voltar, qual é o desafio? O mesmo de todo intermediador que vive de taxas. Tornar seu produto ou serviço tão bom e útil que o valor adicional ao ingresso seja percebido como justo pelos clientes (produtores e compradores).

  • Tratando-se de eventos, é importante também conseguir ter os melhores disponíveis à venda em sua plataforma (curadoria), pois é isso que atrai os compradores.

É aqui que entra a concorrência… Alguns players do setor podem não ter aguentado o impacto da pandemia, o que pode favorecer a Ingresse, que detinha 20% de market share antes da COVID-19mas há outro big fish no mercado que também vai voltar forte.

Sympla, principal concorrente, sobreviveu bem e possui capital suficiente para crescer na retomada, além de ter a Movile, que também é dona do iFood, por trás. Boa briga — no bom sentido, claro — pela frente.

Festejando, de um jeito ou de outro, você ajuda os dois negócios e todo o setor. #FaçaSuaParte. risos. 🎟️

📚 Para aprofundar

🪤 Lembre-se: Nenhum análise aqui é comprada ou possui interferência das empresas estudadas, é 100% independente. Caso queira enviar alguma empresa para que nosso time analisar, fique à vontade. É só clicar aqui.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

MUNDO

Dinamarca volta ao antigo normal

Que marco. Em um momento de recorde de casos de COVID, a Dinamarca resolveu fazer o contrário do esperado, suspendendo as restrições

DICAS

Chegou a hora de curtir

Chegou a sexta-feira… Tem que respeitar o momento do descanso. Tem hora pra tudo e esperamos que você tire seu tempo