Dose de reforço para todos os adultos

As definições de “completamente imunizado” foram oficialmente atualizadas no Brasil. Agora, a dose de reforço é recomendada — e pode ser aplicada — em todos os brasileiros com mais de 18 anos e faz parte do esquema completo de vacinação.

Além disso, o intervalo entre as doses também foi reduzido. Antes, eram seis meses até o reforço, agora, são cinco. Para os imunossuprimidos, o espaço é de 28 dias.

Qual vacina vou tomar?

O ideal é fazer um mix de vacinas, ou seja, receber um imunizante diferente daquele recebido inicialmente. O ministro da Saúde adicionou, no entanto, que a preferência é pela vacina da Pfizer, mas, se faltar, pode ser usada outra.

  • No caso da Janssen, primeiro deve-se receber outra dose da mesma marca e, após 5 meses, de outro fabricante. A dose única acabou virando tripla.

Qual o motivo da aplicação? Os dados sugerem uma diminuição da imunidade após um tempo do esquema inicial completo. As doses de reforço servem, então, para assegurar a proteção contínua contra a doença.

Por falar em vacina… 🇧🇷 x 🇺🇸  O Brasil ultrapassou os EUA em percentual da população vacinada, tanto com a primeira dose, quanto com as doses necessárias no esquema inicial.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

MUNDO

Dinamarca volta ao antigo normal

Que marco. Em um momento de recorde de casos de COVID, a Dinamarca resolveu fazer o contrário do esperado, suspendendo as restrições

DICAS

Chegou a hora de curtir

Chegou a sexta-feira… Tem que respeitar o momento do descanso. Tem hora pra tudo e esperamos que você tire seu tempo