Como foi o mês de novembro para o Ibovespa?

Negativo, seguindo os quatro meses anteriores. Com o encerramento do mês, nosso principal índice acumulou uma queda de 1,53% — no acumulado do ano, já foram 14,37%.

  • O mês de novembro foi marcado pela volatilidade, equilibrando riscos políticos e fiscais, além da inflação e da alta dos juros, que voltaram a preocupar.

E ontem? Falando especificamente do último pregão, a queda foi de 0,87%, aos 101.015 pontos. O temor veio das incertezas com a Ômicron, além do anúncio dos EUA de que os estímulos no país podem ser retiradas mais cedo que se pensava.

Dezembro combina com comemorações, e esperamos comemorar altas por aqui… risos.

Dois destaques importantes dessa terça-feira:

PEC dos Precatórios: O texto foi aprovado, ontem, pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Está previsto que o plenário da Casa — ou seja, todos os senadores — vote a PEC amanhã.

Dados do mercado de trabalho: Foram gerados 253 mil empregos formais no Brasil em outubro, com destaque para o setor de serviços. Além disso, no trimestre que terminou em setembro, o desemprego caiu de 14,2% para 12,6%.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ