O ano das criptomoedas

Uma estatística impressionante. Em 2021, Venture Capitalists — fundos de capital de risco — colocaram cerca de US$ 30 bilhões em ativos cryptomais do que todos os outros anos combinados.

Para se ter uma ideia do salto da aposta nos criproativos, guarde que o maior ano de investimentos até então havia sido o de 2018, com cerca de US$ 8 bilhões.

Quais foram os motivos para isso?

Basicamente, um mercado que antes era nichado, com poucos adeptos, começou a se tornar mais mainstream. Basta perguntar aquele seu tiozão no Natal sobre Bitcoin… É provável que ele já consiga conversar um pouco sobre, diferente do ano passado.

Como muitos investidores sofrem do famoso FOMO (Fear of Missing Out), as apostas começaram a ser feitas com base no “não posso perder esse boom” — apesar da volatilidade. Esse parece ser um mercado que não anda mais pra trás.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ