Vai com calma, Peter Parker

Sucesso absoluto. Todos os stories que você viu nos últimos dias de alguém no cinema assistindo o novo filme do Homem Aranha não foram em vão. Peter Parker levou mais mais gente aos cinemas do que os super otimistas esperavam.

Let’s talk about records… O lançamento se tornou o primeiro filme pandêmico a atingir a marca de 100 milhões de dólares em um único final de semana e já é a terceira maior estreia do mundo.

Desde o dia 17, quando foi para as telonas, o filme da Marvel superou expectativas de receita e de qualidade. A Sony, distribuidora da obra, esperava uma receita de US$ 130 milhões na América do Norte, mas já passou dos 250 mi.

Isso fez do Homem Aranha o filme de maior arrecadação de 2020 e 2021 — com uma vasta vantagem em relação aos demais lançamentos.

Bottom line: O recorde é um alívio para os cinemas, que projetam perder +US$ 7 bilhões em vendas de ingressos neste ano, em um momento delicado com possíveis novas restrições por causa da Ômicron. P.S: Se ainda não assistiu, recomendamos.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

STORIES

Partilhar

Que amor tão grande Tem que ser vivido a todo instante A cada hora que eu tô longe é um

STORIES

Sentimento feliz

A Ana e o Bruno se conheceram na Alemanha. Ele estava no país pelo Ciências sem Fronteiras, enquanto ela tinha ido cursar toda a

CHAMPS

Do jeito que o povo gosta

A primeira perna de quase todos os confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil aconteceram ontem e anteontem, com jogos bem

CHAMPS

Na corda bamba

Não está nada fácil. A seleção brasileira de vôlei masculino está passando por uma fase de altos e baixos. Se a expectativa

CHAMPS

A melhor etapa do ano

Após ficar de fora por dois anos do circuito mundial da WSL, o Brasil voltou a ser palco de uma etapa do

CHAMPS

Isolou?

A grande treta do ano na Fórmula 1 é o porpoising, que, em bom português, são aquelas quicadas que os monopostos dão