Vai ter que reembolsar todo mundo

Caso ITA. A polêmica companhia aérea Itapemirim assinou um acordo, ontem, se comprometendo a reembolsar todos os passageiros lesados e a prestar assistência aos consumidores que abrirem algum tipo de reclamação.

  • O termo foi feito com o Procon-SP e o descumprimento implica em multa de R$ 5 milhões, visando solucionar o problema de +45 mil clientes prejudicados.

Além do reembolso, outras exigências foram feitas, tais como a disponibilização de canais de atendimento 24 horas para os consumidores e o transporte das pessoas afetadas para a cidade onde moram — sim, tem gente esperando até agora.

Esperando? Sim… A empresa estava com vários vôos programados para o fim do ano e vinha operando bem nos últimos meses, mas simplesmente parou suas operações no dia 17 desse mês, deixando clientes e o mercado sem entender.

Aparentemente, os problemas iam desde a falta de pagamento a prestadores de serviços e fornecedores até atrasos de salários da equipe, o que fez com que a companhia não conseguisse manter sua operação rodando.

O acordo com o Procon-SP é importante, pois é o primeiro sinal da empresa aérea em atender parte dos prejuízos e transtornos causados aos consumidores, mas não isenta a companhia da responsabilidade judicial e das demais punições. Ainda vai dar o que falar…

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

MUNDO

Dinamarca volta ao antigo normal

Que marco. Em um momento de recorde de casos de COVID, a Dinamarca resolveu fazer o contrário do esperado, suspendendo as restrições

DICAS

Chegou a hora de curtir

Chegou a sexta-feira… Tem que respeitar o momento do descanso. Tem hora pra tudo e esperamos que você tire seu tempo