Ajudando farmácias a aumentarem seu faturamento 🏥

💰 Modelo de negócios

A Clinicarx é uma plataforma online de serviços de saúde padronizados e digitais para farmácias e consultórios, que auxilia na criação de pontos de saúde em todas as etapas: desde o planejamento do negócio, até a análise dos resultados.

  • Como? Através de um software oferecido pela empresa que permite implantar e padronizar serviços farmacêuticos, como testes de COVID, check-ups e vacinas, por exemplo.

A empresa ajuda os farmacêuticos de diversas formas, seja no tratamento de pacientes e empoderamento dos profissionais na prática clínica, até questões empresariais, como diferenciação de mercado, diversificação de serviços e fidelização dos clientes.

Com isso, a startup auxilia farmácias a aumentarem seu faturamento e oferecerem soluções melhores para seus clientes, de modo a se diferenciarem no competitivo mercado de serviços farmacêuticos.

A empresa comercializa 4 planos diferentes, de assinatura mensal, desde o gratuito até o Premium (que está de R$ 999,90 por R$ 499,90).

👫 Quem está por trás desse negócio?

A Clinicarx foi fundada em dezembro de 2016 por Alysson Azevedo, Cassyano Correr e Graziela Sponchiado. (Ao clicar, você vai pro LinkedIn deles).

📈 Recebeu investimentos?

Não.

🙋‍♂️🙋‍♀️ Maior desafio

“Aumentar o número de pontos de saúde para atendimento de pacientes.”

💼 Vagas em aberto na empresa

Para ver as vagas clique aqui.

🔮 Nossa análise

O mercado de farmácias é gigante e vem crescendo rapidamente. Em 2019, movimentou R$ 50 bilhões, em 2020, R$ 55 bilhões e, no ano passado, 65 bilhões de reais de faturamento.

  • Um terço desse valor de 2021 veio de não medicamentos. Além disso, foram abertas quase 9 mil novas farmácias no ano — em outras palavras, novos clientes potenciais para a Clinicarx.

Quando analisamos os atendimentos de farmácia, foram mais de 900 milhões no ano anterior. É como se todos os brasileiros tivessem passado quatro vezes nesses estabelecimentos, em um ano. Uma grande oportunidade para a startup.

Uma nova tendência para o mercado farmacêutico são os hubs de saúde, que já são muito comuns nos EUA. O que é isso? Basicamente, é quando farmácias são transformadas em anexos de assistência de saúde primária, possibilitando que sejam feitos exames, check-ups, vacinações e outros serviços.

  • Esse modelo de negócio é uma ótima oportunidade para o varejo farmacêutico. Além de lucrativo, auxilia no acesso maior da população à saúde e qualidade de vida.

Além disso, essa assistência de saúde primária possibilita que pessoas que não possuem acesso à saúde privada consigam fazer exames sem ter que recorrer ao SUS.

Analisando os clientes da startup, existem grandes e consolidadas redes de farmácia, tais como RD (RaiaDrogasil), Drogaria Araujo e Pague Menos. Not bad…

Também vale destacar que, durante períodos de lockdown, apenas farmácias e mercados permaneceram abertos, o que pode ter contribuido para geração de caixa das farmácias, que não tiveram seus negócios tão impactados. Sem contar as novas farmácias que abriram.

Ponto de atenção: como a Clinicarx possui clientes grandes, sempre há a possibilidade deles desenvolverem internamente sistemas mais personalizados e que se adequem mais à realidade do negócio.

Portanto, cabe à startup estar melhorando constantemente sua solução e buscando sempre conversar com os clientes para entender suas novas necessidades, visando que a solução oferecida se mantenha relevante e retenha os maiores clientes.

O que você faria se fosse o CEO? 🤔

Ler é fácil, difícil é fazer. Nos conte aqui o que você faria se estivesse no lugar dos founders. Qual seria sua estratégia, plano de ação, etc?

📚 Para aprofundar

🪤 Lembre-se: Nenhuma análise aqui é comprada ou possui interferência das empresas estudadas, é 100% independente. Caso queira enviar alguma empresa para que nosso time analisar, fique à vontade. É só clicar aqui.

COMPARTILHE

um MBA em forma de e-mail

sua dose de conteúdo sobre os assuntos mais relevantes do mundo dos negócios. análises números e insights.

INDICADOS PARA VOCÊ

BIZNESS

O diferencial na hora da compra

Nos últimos dois anos, o comércio digital aumentou em uma escala sem precedentes. A disponibilidade dos aplicativos de varejo reformularam a forma como

BIZNESS

“Crédito ou Débito?”

(Imagem: Giphy | Reprodução) Crédito. Essa parece ser a resposta preferida dos americanos. O inimigo das finanças pessoais está de