Rússia e EUA, para variar, brigando…

Pressão. Nessa semana, vários diplomatas dos Estados Unidos fizeram suas malas para a Europa com uma missão: confrontar a Rússia.

  • O que está acontecendo? Ao que parece, cerca de 100.000 soldados russos estão na fronteira com a Ucrânia, criando o temor de que uma invasão está a caminho.

Com medo do que Putin está tramando, o Ocidente se juntou para pressionar a Rússia, e ontem foi o primeiro dia de encontros. Foram mais de 8 horas de reunião, sem um aperto de mão sequer — literalmente.

Deu em alguma coisa? Not really. As autoridades russas se fizeram de desentendidas e afirmaram que não têm intenção de invadir a Ucrânia, tratando-se de um mero exercício militar.

Não desceu… Isso não foi suficiente e, como disse o chefe de política externa da União Europeia, os 100.000 soldados certamente não foram para o outro lado da fronteira para tomar café.

Qual a relevância dessa questão? Caso a Rússia, de fato, invada a Ucrânia, os EUA e outros países do Ocidente aplicarão sanções — como já avisaram —, dando início a um capítulo nada encantado da geopolítica mundial. Veremos…

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ