O 5G pode prejudicar seu voo?

Por essa você não esperava. Depois de enfrentarem a Delta e a Ômicron mudando suas agendas, as companhias aéreas americanas têm um novo inimigo para combater: o 5G.

E qual o perigo? A preocupação é que o 5G cause interferência nos radioaltímetros das aeronavesequipamento essencial para pousos e decolagens, especialmente quando as condições de visibilidade não são boas — não dá pra arriscar, né?

O caso… Duas grandes operadoras americanas, Verizon e AT&Testavam prestes a ampliar o 5G em uma nova região, mas tiveram que adiar o serviço em razão da segurança das aeronaves.

E deu zebra. A decisão chegou tarde demais para evitar uma onda de cancelamentos, e empresas de aviação de todo o mundo — inclusive no Brasil — tiveram que correr para interromper voos em direção à Bidenland.

E por que o problema é só nos Estados Unidos? 🇺🇸

As empresas americanas estão lançando o serviço 5G em ondas de rádio com frequência maior do que a que é utilizada no resto do mundo. Já a Europa, por exemplo, usou uma frequência mais lenta, e conseguiu lançar a tecnologia sem prejudicar a aviação.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

CHAMPS

A primeira parte já foi

As competições sul-americanas tiveram os primeiros jogos do mata-mata nesse meio de semana. Com jogos cheios de situações interessantes, foi estabelecida uma marca incrível e

CHAMPS

A maior competição do ano

A rainha das provas do ciclismo começa hoje, em Copenhagen. O Tour de France é a maior competição do calendário do mundial, aliando glamour,

CHAMPS

Alívio no meio do furacão

A crise financeira ficou tão fora de controle, que o Barcelona teve que ver o maior jogador da sua história ir embora.

CHAMPS

Onde tudo começou

Nesse final de semana, acontecerá a nona etapa da Fórmula 1 em 2022, com o GP da Inglaterra. O circuito escolhido

MUNDO

Sinal de alerta nos Estados Unidos

Os economistas estão atentos. Foram divulgados, ontem, os gastos dos consumidores dos EUA em maio, trazendo más notícias — o PIB da maior economia