“Sem desespero, pessoal” — disse o Ibovespa

Sentidos opostos. Na contramão dos mercados internacionais, com várias bolsas fechando em queda por causa do aumento da tensão na fronteira ucraniana, o Ibovespa se sustentou e teve sua 5ª alta consecutiva.

  • O índice acabou fechando o dia com alta de 0,29%, aos 113.899 pontos, apesar de ter oscilado entre altos e baixos durante o pregão.

O que deixou o Ibovespa tão confiante? Na verdade, o que tem ajudado o índice tem sido a grande demanda estrangeira por ações brasileiras, que têm atraído investidores em meio às mudanças do cenário internacional.

Os destaques: As grandes altas vieram do Banco Inter, da Petz e da Hypera, e as maiores baixas ficaram com Petrobras, Via e Marfrig.

Vale também dar atenção ao petróleo, que atingiu máximas de 7 anos, com os temores de que as sanções à Rússia prejudiquem as exportações da commodity.

E o dólar? A moeda ignorou a tensão externa por mais um dia e caiu 0,46%, a R$ 5,2185.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ