É alta atrás de alta mesmo?

É… De fato, o tourinho se entusiasmou. Ontem, o Ibovespa se valorizou pelo sexto pregão seguido, subindo 0,16%, aos 117.457 pontos, mesmo com o cenário negativo do exterior. 

O que explica isso? 

Segundo analistas, é uma junção da alta das commodities — um forte do Brasil — e da diferença entre ciclos monetários. Calma, vamos explicar… risos.

  • Commodities: O Ibovespa é composto por muitas empresas exportadoras, que se beneficiam com a alta das matérias-primas no mercado internacional. 
  • Diferença entre ciclos monetários: Enquanto os EUA anunciaram um ciclo de alta de juros recentemente, o Brasil começou esse processo em março de 2021, e já está a caminho de encerrá-lo. Com isso, ficamos mais atraentes.

Mas há outros motivos… 

O Brasil está distante da guerra, oferecendo menos riscos. Além disso, houve uma grande saída de capital da Rússia — que é um país emergente, como o Brasil. Logo, nos tornamos um substituto atrativo, com características semelhantes no geral. 

E o dólar? A moeda americana, enquanto isso, caiu 2,04%, cotada a R$ 4,84.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

STORIES

Partilhar

Que amor tão grande Tem que ser vivido a todo instante A cada hora que eu tô longe é um

STORIES

Sentimento feliz

A Ana e o Bruno se conheceram na Alemanha. Ele estava no país pelo Ciências sem Fronteiras, enquanto ela tinha ido cursar toda a

CHAMPS

Do jeito que o povo gosta

A primeira perna de quase todos os confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil aconteceram ontem e anteontem, com jogos bem

CHAMPS

Na corda bamba

Não está nada fácil. A seleção brasileira de vôlei masculino está passando por uma fase de altos e baixos. Se a expectativa

CHAMPS

A melhor etapa do ano

Após ficar de fora por dois anos do circuito mundial da WSL, o Brasil voltou a ser palco de uma etapa do

CHAMPS

Isolou?

A grande treta do ano na Fórmula 1 é o porpoising, que, em bom português, são aquelas quicadas que os monopostos dão