É polêmica que você quer? Hoje teremos. risos. 🍁

Cannabis. Vamos falar sobre a planta que é uma das — se não a — mais amada e odiada do mundo ao mesmo tempo, focando no que interessa por aqui: o bizness. Sem julgamentos e sem levantar bandeiras. Just bizness.

Começando pela história… 📜

O uso de cannabis é algo que acompanha o ser humano há milhares de anos. Até o final do século XIX, americanos e europeus podiam comprar extratos da planta em farmácias para ajudar com dores de estômago, enxaquecas, inflamações, insônia e outras doenças.

Mas tudo mudou na virada do século 👮‍♂️

A repressão passou a aumentar. Parte do motivo foi a imigração mexicana para os EUA, durante a Revolução Mexicana de 1910 — devido ao preconceito e medo com os imigrantes, visto que muitos consumiam a erva.

Até que, em meados da década de 1930… ⛓️

A cannabis foi classificada como droga em todos os estados norte-americanos, passando a sofrer diversas restrições, o que incentivou outros países — como o Brasil — a fazerem o mesmo. Em 1970, estava oficialmente proibida em todos os EUA, inclusive para uso médico.

Atualmente, o cenário mudou bastante. Veja como está a situação da cannabis em cada estado norte-americano:

Vale destacar que, recentemente, a Câmara dos Estados Unidos aprovou um projeto de lei para descriminalizar a maconha em todo o país — embora a legislação ainda precise ser aprovada no Senado.

Falando nos Estados Unidos… 🇺🇸

Quando falamos do mercado canábico, é impossível deixar de citar o país. Se você acha que a Holanda é a capital mundial da maconha, é porque ainda não viu os números da terra do Tio Sam.

Anualmente, o mercado norte-americano movimenta um volume financeiro 100x maior do que o holandês. Esses são os países onde mais dinheiro é gasto em maconha recreativa:

  1. 🇺🇸 Estados Unidos — US$ 11,2 bilhões;
  2. 🇨🇦 Canadá — US$ 2,1 bilhões;
  3. 🇳🇱 Holanda — US$ 103,5 milhões;
  4. 🇺🇾 Uruguai — US$ 3,5 milhões.

Esse ranking, de 2020, considera apenas o valor total que a venda da cannabis movimentou relacionado ao uso recreativo da droga. Portanto, é importante explicarmos rapidamente uma diferença sobre a maconha…

Medicinal x Recreativa 🍁

O nome já explica muita coisa. risos. Mas, para você ficar mais informado, precisamos falar sobre a diferença entre THC e CBD:

De forma resumida, o THC é substância psicoativa responsável pelo “barato” da erva. O CBD está mais associado às propriedades medicinais e pode ajudar no tratamento de várias doenças, como dores crônicas, esclerose múltipla, epilepsia e alívio de efeitos colaterais da quimioterapia.

  • Por conta disso, os medicamentos à base de cannabis geralmente possuem um teor baixíssimo de THC — insuficiente para causar efeitos psicoativos —, enquanto os níveis de CBD são mais altos.

Agora que você já entendeu essa diferença, vamos falar do mercado total, incluindo tanto a cannabis recreativa, quanto a medicinal. Ah, em vez de falarmos, é mais fácil você ver esse gráfico:

E no Brasil? 🇧🇷

O potencial é alto. Estima-se que a regulamentação da cannabis no Brasil — tanto medicinal quanto recreativa — poderia gerar quase 120 mil empregos e movimentar mais de R$ 26 bilhões até 2025, gerando uma arrecadação de R$ 8 bilhões em impostos no período.

Fato é que, hoje, a planta é proibida por aqui. No entanto, é descriminalizadadesde 2006 não há pena de prisão para uso pessoal, ainda que caiba ao juiz avaliar a quantidade que corresponda ao “consumo pessoal”.

Apesar desse cenário, existem algumas famílias que conseguiram na Justiça o direito de importar remédios com canabidiol (CBD) e a legislação para o uso medicinal vem se flexibilizando. Pra você ter uma ideia, a Anvisa já aprovou 11 medicamentos à base de cannabis por aqui. Vamos ver o que o futuro nos reserva.

Aviso final ⚠️

Vale destacar que, embora ninguém nunca tenha morrido por overdose de maconha, estudos sugerem efeitos negativos associados ao uso recreativo intensivo no longo prazo, principalmente para pessoas com menos de 25 anos, cujo cérebro ainda não está 100% desenvolvido.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ