Mais da metade dos brasileiros já estão consultando online

“Doutor, você está no mudo”. Segundo uma pesquisa, pelo menos metade da população brasileira realizou serviços de saúde online nos últimos 12 meses.

Os atendimentos virtuais foram regulamentados pelo governo federal durante a pandemia, com o intuito de evitar aglomerações e, consequentemente, a transmissão do vírus. 

  • Mas nem todo mundo se beneficiou. A telemedicina foi mais utilizada entre as pessoas de maior renda, classes A e B — que representam 42% de todas as pessoas que fizeram consultas online. 

Como a principal barreira é o acesso à internet, especialistas acreditam que, futuramente, as consultas online sejam democratizadas no país.

👍 As vantagens: O atendimento virtual evita a propagação de vírus e facilita o acesso para pessoas isoladas, além de ser conveniente — seu problema pode ser solucionado no conforto de casa.

👎 As desvantagens: A telemedicina não é eficaz em todos os casos, por exemplo, quando um exame físico é necessário. Mas, mesmo quando indicada, muitas seguradoras não cobrem o atendimento e a proteção dos dados médicos pode sair prejudicada.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ