Não é porque entrou que tinha que sair… 🥲

Maio começou com bye-bye. Só nos primeiros quatro pregões deste mês, os investidores estrangeiros retiraram mais capital da Bolsa brasileira do que em todo o mês de abril — o montante já passou de R$ 7 bilhões. 

  • Se olharmos a retirada de capital desde o início de abril, o saldo negativo supera toda a fuga de investimento vista entre 2018 e 2019.

No primeiro trimestre do ano, vieram mais de R$ 68 bilhões de investidores internacionais. Agora, parece que esse momento ficou pra trás…

Não gostaram do que viram? É mais amplo que isso. O aumento de juros nos EUA, os temores sobre uma desaceleração econômica e resfriamento dos preços de commodities têm afetado a percepção de risco sobre mercados emergentes — ei, Brasil!

E ontem, o que aconteceu? 🤔

A semana começou com o pé esquerdo. Os números do comércio na China vieram baixos, mostrando que o país está sofrendo com seus lockdowns. Isso aumentou o temor de uma recessão mundialque fez os investidores darem outro passo para trás. 

  • Com uma desaceleração da China, a principal importadora das matérias-primas do mundo, as commodities caíram feio — Vale e Petrobras sofreram bastante. 

Como resultado dessa aversão ao risco, o Ibovespa acompanhou as temperaturas ao redor do país e caiu 1,79%, aos 103.250 pontos. Já o dólar subiu 1,6%, a R$ 5,156. 

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ