A China finalmente está aliviando a situação

Ufa. Seguindo sua política de COVID-zero, a segunda maior economia do mundo estava impondo restrições em diversas regiões, impactando o mundo como um todo. Agora, a coisa parece mudar…

Além disso, depois de mais de dois meses, Xangai vai afrouxar os requisitos de testes e diminuir os impostos sobre alguns veículos para impulsionar o consumo. 

Por que isso importa? Depois do baque, o governo chinês quer apoiar sua economia, fortemente atingida pelos lockdowns. Inclusive, muitos investidores compraram ações de empresas que podem se dar bem com a retomada

  • Um alívio no país de 1,4 bilhão de habitantes pode beneficiar o cenário internacional com a volta do funcionamento das fábricas e a normalização logística.

No entanto… Se a China seguir com sua política de COVID-zero, é provável que novos confinamentos aconteçam, já que a doença ainda não deu seu adeus definitivo por lá. 

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

ECONOMIA

E vamos de leilão…

Muitos bilhões em jogo. Nessa quinta-feira, a Aneel vai leiloar 13 lotes de linhas de transmissão de energia, que podem arrecadar