A saúde mental entrou na pauta do Ministério da Saúde

Novidades no SUS. O Ministério da Saúde lançou, ontem, uma série de iniciativas voltadas para o cuidado com a saúde mental — como, por exemplo, teleconsultas e uma linha para organizar o atendimento de pacientes com ansiedade e depressão. 

  • Ao todo, serão destinados mais de R$ 45 milhões às ações, buscando prevenir situações graves, como o suicídio e a automutilação.

Parte dos esforços vão especificamente para o “pós-pandemia”, com foco em crianças e adolescentes. Para se ter uma ideia, com a COVID-19, a taxa de pessoas nessa faixa etária com sintomas depressivos foi de 13% para 25%.

Indo além da poder público… 😩

Além do governo, as empresas estão se voltando para essa preocupação. Segundo uma pesquisa, o interesse das companhias em ter um papel mais ativo em prol do bem-estar de suas equipes triplicou entre 2015 e 2021. 

Outro exemplo é a Zenklub, de terapia online para empresas, que viu seu faturamento crescer 154% no último ano. Será que o “trabalhe enquanto eles dormem” ainda dura?

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

ECONOMIA

E vamos de leilão…

Muitos bilhões em jogo. Nessa quinta-feira, a Aneel vai leiloar 13 lotes de linhas de transmissão de energia, que podem arrecadar