A temperatura pode influenciar seus resultados?ūüĆ°

‚ÄúOnde t√° o controle do ar?‚ÄĚ Essa pergunta √© muito comum em escrit√≥rios e, √†s vezes, at√© gera conflitos entre calorentos e friorentos.

  • Seja voc√™ #TeamFrio ou #TeamCalor, a frente fria que atingiu diversos estados brasileiros pode ter dado uma tr√©gua nessa disputa.

Antes que você se pergunte o que a temperatura do ar tem a ver com bizness,aqui vai um fato que muitas pessoas não sabem: aparentemente, existe uma temperatura ideal para a produtividade.

Alguns estudos sugerem que há uma faixa de temperatura perfeita para uma força de trabalho produtiva. Para matar logo sua curiosidade, aqui vai o gráfico:

A temperatura da produtividade ūüĆ°

Quando a temperatura está quente ou fria demais, a produtividade das pessoas pode ser afetada. Ou você não se lembra de algum dia em que estava mole e sonolento por conta do calor intenso?

Se esse intervalo te agrada, aproveite para¬†usar esse argumento na pr√≥xima disputa que voc√™ tiver para definir a temperatura do ar. risos ‚ÄĒ¬†caso prefira mais quente ou mais frio,¬†√© s√≥ fingir que nunca leu isso. risos (2).

Outros estudos apontam para a mesma dire√ß√£o ūüďö

Um deles, da Universidade de Chicago, mostrou que cada grau acima da temperatura média de uma região pode fazer a produtividade dos trabalhadores cair.

J√° em um outro estudo, feito pela¬†Universidade Cornell, descobriu-se que¬†temperaturas frias levam os trabalhadores a cometerem mais falhas. Quando a temperatura subiu de 20ňöC para 25ňöC,¬†os erros de digita√ß√£o ca√≠ram em cerca de 50% e a produtividade aumentou em mais de 100%.

Mas por que isso acontece? ūü§Ē

O nosso organismo¬†gasta energia para se adaptar √†s temperaturas externas. Por conta disso,¬†sobra menos energia para outras fun√ß√Ķes do organismo,¬†o que pode¬†afetar a concentra√ß√£o,¬†por exemplo.

Além disso, com o frio, os tremores involuntários podem dificultar o movimento dos dedos, atrapalhando a digitação.

  • Sem contar que temperaturas frias tamb√©m podem¬†prejudicar a sa√ļde dos funcion√°rios, aumentando crises respirat√≥rias e piorando alergias.

Essa quest√£o √© t√£o relevante que existe at√© uma¬†norma do Minist√©rio do Trabalho brasileiro¬†que¬†determina que a temperatura fique entre 20¬įC e 23¬įC¬†em locais onde s√£o exigidas ‚Äúatividade intelectual e aten√ß√£o constantes‚ÄĚ.

A situa√ß√£o √© ainda pior para as mulheres‚Ķ ūüĎ©‚ÄćūüíĽ

Em média, os homens têm o metabolismo até 35% mais rápido do que as mulheres, o que faz com que elas sintam mais frio, de forma a serem mais afetadas pela queda de produtividade causada por temperaturas muito baixas.

Dessa forma, em lugares onde há mais mulheres, geralmente será melhor manter as temperaturas mais altas do que em ambientes predominantemente masculinos.

Por √ļltimo, mas n√£o menos importante‚Ķ ‚ö†ÔłŹ

Toda regra costuma ter exce√ß√Ķes.¬†Embora existam estudos sugerindo a exist√™ncia de uma temperatura ideal para aumentar a produtividade,¬†nada como ouvir a opini√£o das pessoas a sua volta.

Afinal,¬†produtividade √© algo muito individual,¬†e tende a ser maior quando as pessoas est√£o felizes e satisfeitas com o ambiente em que trabalham.¬†No fim das contas, it’s all about people.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

um MBA em forma de e-mail

sua dose de conte√ļdo sobre os assuntos mais relevantes do mundo dos neg√≥cios. an√°lises n√ļmeros e insights.

INDICADOS PARA VOCÊ