O risco de recessão está derrubando tudo

Ninguém solta a mão de ninguém. A terça-feira foi de quedas generalizadas nas bolsas europeias, do euro e, principalmente, nos preços do petróleo — que bateu uma marca negativa. 

  • Pela primeira vez em dois meses, o preço do barril de petróleo norte-americano caiu 10% e fechou o dia abaixo de US$ 100, batendo os 99,50 dólares. 

A principal razão foi o risco de recessão global, por conta do risco de impacto forte à demanda por petróleo — muito mais do que a possível queda da oferta, devido às sanções à Russia. 

Nas bolsas europeias, o crescimento de negócios desacelerou ainda mais em junho, com indicadores sugerindo uma diminuição maior no futuro.

Já o Ibovespa fechou o dia em queda de 0,32%, enquanto as bolsas dos Estados Unidos fecharam em alta — 0,16% do S&P 500 e 1,75% da Nasdaq.

COMPARTILHE

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

CHAMPS

Contagem regressiva

Quem não acorda sonhando com Copa perdeu o amor à vida. Em uma reviravolta sem precedentes na história, a data de

CHAMPS

Momentos decisivos

É hora de decisão. O 2º Split do CBLOL terminou na semana passada a fase classificatória para os playoffs, que começam

CHAMPS

O impacto do adeus

Quando chega a hora. Uma das maiores atletas da história do tênis feminino disse que vai deixar a raquete de lado. Serena Williams

CHAMPS

Uma história brasileira

O Brasil acordou abalado na manhã de domingo, com mais um caso de violência nas páginas de notícias. O mundo