Os unicórnios estão de cabeça baixa…

Inflação, juros altos e crise econômica — esse trio foi o terror das startups brasileiras em 2022. No primeiro semestre deste ano, essas empresas captaram 44% menos em relação a 2021. Não está mais tão fácil receber os cheques milionários…

  • A queda foi semestral, mas o que pesou mesmo foi o segundo trimestre. Em junho, foram US$ 343 milhões captados contra US$ 2,14 bilhões no ano passado.

As grandes foram as mais afetadas. Nas startups de estágio avançado, o montante de investimento caiu em praticamente 70%, enquanto as rodadas do tipo seed — o primeiro aporte — quase dobraram, para US$ 282 milhões.

Os funcionários também sofreram… Em 2022, 5.689 pessoas já foram demitidas em startups — neste site, você consegue acompanhá-las em tempo quase real

E a Bolsa, the news? 📊

Nessa quinta-feira, o Ibovespa fechou em alta de 2%, de volta aos 100 mil pontosOs investidores foram para o happy hour rindo à toa ontem — e brindaram agradecendo as commoditites. 

Na China, foram anunciados estímulos que impulsionaram o preço do minério de ferro e do petróleo, favorecendo mineradoras e petroleiras. 

COMPARTILHE

mais inteligente em 5 minutos

tudo que você precisa saber pra começar seu dia bem e informado

INDICADOS PARA VOCÊ

BIZNESS

“Crédito ou Débito?”

(Imagem: Giphy | Reprodução) Crédito. Essa parece ser a resposta preferida dos americanos. O inimigo das finanças pessoais está de